Conteúdo destinado para profissionais e estudantes da área de saúde.

Nutrição infantil
Voltar para Home
  • Home
  • / Nutrição infantil

Nutrição infantil

Nutrição infantil
A linha Piracanjuba excellence foi formulada especialmente para crianças em idade pré-escolar. Ela é indicada para complementar a alimentação de forma prática, nutritiva e segura!
Bebida pronta para consumo 200ml

Bebida pronta para consumo 200ml

Ingredientes

Leite integral reconstituído, lactose reconstituída, concentrado proteico de soro de leite reconstituído, soro de leite reconstituído, leite desnatado reconstituído, maltodextrina, óleo de milho, óleo de canola, frutooligossacarídeos, óleo de girassol, inulina, fosfato de cálcio tribásico (cálcio), bitartarato de colina (colina), sulfato de magnésio (magnésio), fosfato monopotássico (fósforo), L-ascorbato de sódio (vitamina C), bisglicinato ferroso (ferro), acetato de DL-alfa-tocoferila (vitamina E), bisglicinato de zinco (zinco), nicotinamida (niacina), DL-alfa-tocoferol (vitamina E), acetato de retinila (vitamina A), D-pantotenato de cálcio (ácido pantotênico), colecalciferol (vitamina D), sulfato de manganês (manganês), tiamina mononitrato (vitamina B1), D-biotina, filoquinona (vitamina K), riboflavina (vitamina B2), sulfato cúprico (cobre), cloridrato de piridoxina (vitamina B6), iodeto de potássio (iodo), selenito de sódio (selênio), ácido fólico, cianocobalamina (vitamina B12), estabilizantes: celulose microcristalina, fosfato dipotássico, fosfato dissódico, fosfato trissódico e algas marinhas euchema processadas, regulador de acidez citrato de potássio, emulsificante mono e diglicerídeos de ácidos graxos e aromatizantes.

ALÉRGICOS: CONTÉM LEITE E DERIVADOS.
CONTÉM LACTOSE.
NÃO CONTÉM GLÚTEN.
ESTE PRODUTO NÃO É IOGURTE.

Tabela Nutricional
<p>*% Valores Diários com base em uma dieta de 2000 kcal ou 8400 kJ. Seus valores diários podem ser maiores ou menores dependendo de suas necessidades energéticas.&nbsp;**VD não estabelecido.</p>
Modo de servir

Após higienizar os utensílios, coloque o conteúdo da caixinha dentro do copo de transição, aqueça (se assim preferir) e sirva. Pode ser oferecido a qualquer temperatura, inclusive morno ou gelado.

Modo de conservação

Conservar em local seco e fresco. Após aberto, consumir imediatamente.

Artigos

Artigos relacionados

“O MINISTÉRIO DA SAÚDE INFORMA: APÓS OS 6 (SEIS) MESES DE IDADE, CONTINUE AMAMENTANDO SEU FILHO E OFEREÇA NOVOS ALIMENTOS.”

"O MINISTÉRIO DA SAÚDE INFORMA: O ALEITAMENTO MATERNO EVITA INFECÇÕES E ALERGIAS E É RECOMENDADO ATÉ OS 2 (DOIS) ANOS OU MAIS.”

PIRACANJUBA APOIA O ALEITAMENTO MATERNO

Em concordância com a Organização Mundial da Saúde (OMS), com a Sociedade Brasileira de Pediatria e outros órgãos de saúde competentes, a Piracanjuba apoia integralmente a recomendação da amamentação exclusiva durante os primeiros seis meses de vida, e amamentação complementada até os dois anos de idade ou mais. Para conhecer melhor a legislação sobre a comercialização de alimentos para lactentes, crianças e outros produtos de desenvolvimento infantil correspondentes, clique aqui.

NOTA PIRACANJUBA

Visando uma nutrição adequada para os primeiros dois anos de vida, que são decisivos para o crescimento e desenvolvimento, o leite humano atende todas as necessidades dos lactentes, demonstrando sua superioridade quando comparado aos seus substitutos. Além de um conjunto rico de nutrientes, ele é um alimento por substâncias com atividades protetoras, proporcionando proteção contra alergias e infecções, e que contribuem para o desenvolvimento adequado do sistema imunológico, bem como a maturação dos sistemas neurológico e digestório. Além de um benefício para a saúde, também tem um papel essencial no laço afetivo, por fortalecer o vínculo mãe-filho. Por isso, uma alimentação nutritiva e equilibrada durante a gestação e amamentação é fundamental para o desenvolvimento do bebê. A recomendação é que a amamentação seja exclusiva até os seis meses de idade e, a partir desse período, é indicada a introdução da alimentação complementar, ou seja, deve ser iniciada a introdução de alimentos, mas estimulando e mantendo a amamentação (ou o consumo de substituto, quando necessário) até os dois anos de vida ou mais, de acordo com a vontade da mãe e da criança. A introdução alimentar deve ser iniciada quando a criança já possui capacidade motora para receber alimentos sólidos, por isso, busque orientação com um profissional de saúde sobre o momento mais apropriado para iniciar a alimentação complementar. Nessa fase, também é importante ressaltar que a utilização de chupetas, bicos, mamadeiras, e a introdução inadequada ou desnecessária de alimentos artificiais e de demais alimentos e bebidas, podem ter efeitos negativos sobre a saúde do lactente, além de prejudicar o aleitamento natural e o retorno à amamentação no seio, por isso, deve ser desencorajado. Caso seja optado por não amamentar de maneira natural, e utilizar outros alimentos ou substitutos do leite materno, é necessário se atentar à preparação e higienização adequada desses produtos, seguindo de maneira rigorosa as instruções descritas no rótulo. Outro ponto a estar ciente é em relação às implicações econômicas e sociais do não aleitamento no seio materno. Além de ser melhor nutricionalmente, o leite materno é muito mais econômico e o uso de seus substitutos pode ocasionar um impacto no orçamento familiar. Por fim, é importante ressaltar a importância do contexto familiar na introdução de novos alimentos, que devem dar o exemplo, ter uma alimentação equilibrada, e respeitar os hábitos culturais e educativos para a escolha de alimentos. Em caso de dúvidas, e para mais informações sobre qual a melhor opção para o seu bebê, converse com o seu um profissional de saúde. Conforme a Lei 11.265/06 e regulamentações subsequentes, e com o Código Internacional de Comercialização dos Substitutos do Leite Materno da Organização Mundial da Saúde (Resolução WHA 34:22, maio de 1981).